É uma intervenção minimamente invasiva feita em Hospital sob anestesia geral. Através de uma microcâmera de vídeo introduzida no abdome por uma incisão mínima na região do umbigo, visualizamos os órgãos genitais internos: útero, ovários e órgãos vizinhos. Com esse aparelho, fazemos um passeio pelo aparelho reprodutor feminino, numa extraordinária visão panorâmica ao vivo e em cores. Vemos tudo com magníficos detalhes na tela do monitor. Permeabilidade tubária, aderências e ENDOMETRIOSE são diagnosticadas dessa forma e podem, ao mesmo tempo, ser tratadas cirurgicamente sem a necessidade de cortar o abdome